A Igreja não pode se tornar um “condomínio fechado”

Nós vivemos em uma sociedade que cada vez mais se fecha por causa da insegurança. São os condomínios fechados, os privês. Possivelmente, daqui a alguns anos teremos também as ruas fechadas. Quero ver a Igreja entrar nesta clausura! Sabe quais são os maiores condomínios fechados? As favelas. Tente entrar lá sem ser conhecido. Você entra e não sai. Por quê? São fechadas, por segurança.

A Igreja está preparada para evangelizar uma cultura como esta? Não, não está. Há um desajuste profundo entre a forma de evangelizar e a cultura contemporânea. As únicas formas de evangelizar em uma cultura dessas são por meio da mídia e das células (grupos pequenos). A evangelização nesta cultura funciona via televisão ou na base do evangelismo ou marketing pessoal. Um amigo que conhece o outro que Deus curou, abençoou, que restaurou a família etc.

O Senhor deseja que a Igreja atue como um corpo. Porém, muitas vezes, vemos irmãos agindo individualmente como se fossem autônomos sem perceber que Deus tem um projeto para eles. A unidade do corpo fica prejudicada pelas diversas “visões” individuais.

Para haver sucesso, é necessário a existência de um sistema vencedor, que é formado de indivíduos vencedores. Não há projeção de vitória individual sem que essas pessoas estejam inseridas num sistema.

As pessoas sempre fazem parte de um time, contidas em qualquer setor da sociedade. O sucesso do indivíduo está intimamente ligado ao êxito do sistema a que este estiver ligado. Por exemplo, no esporte vemos grandes estrelas porém, não são nada sem seus times – elas projetam o seu time a equipe toda lhes dá o suporte necessário para que suas habilidades sejam apropriadamente desenvolvidas e executadas com maior eficiência. Da mesma maneira observamos grandes médicos, advogados, empresários etc. A equipe exalta os indivíduos e lhes dá suporte.

Um crente não conseguirá andar em vitória diante de Deus se não fizer parte de uma equipe e igreja vencedora, que é o corpo de Cristo.

Para que o crente seja vencedor, ele precisa fazer parte de uma igreja que esteja vencendo, uma organização próspera em todas as áreas com uma liderança consciente, segura, que busca a Deus e realmente anda em Seus caminhos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *