O SUCESSO, A FELICIDADE E O PROPÓSITO

Qual a definição para “sucesso”? E para “felicidade”? Como definiríamos um homem e uma mulher felizes?

Felicidade é a grande vertigem da nossa civilização. O homem moderno ocidental dá a vida, o dinheiro e o tempo para ser feliz. Ele vê na mídia a instrução de como ser feliz, por meio de imagens vendidas e padronizadas. Imagens que dizem que se encontra felicidade ao se fumar um cigarro. Então, um adolescente de 16 anos, inseguro, acredita nessa solução. Mas, mesmo fumando, ainda não está feliz. Então, ele continua buscando a felicidade na maconha, nas drogas, na bebida. É isso que a sociedade mostra para nossos adolescentes.

Como Deus vê o sucesso e a felicidade?

Sucesso, do ponto de vista de Deus, é cumprir o propósito para o qual nós nascemos, para o qual fomos desenhados, cumprindo a missão para a qual Deus nos fez. Sucesso é quando a pessoa atinge a plenitude daquilo que ela foi criada para ser. Como Bethoveen que, mesmo surdo, se tornou um dos maiores compositores da nossa história.

Então, sucesso é quando encontramos a missão para qual Deus nos criou, seja em qualquer profissão. A felicidade é o prazer de termos alcançado sucesso, de termos atingindo o que Deus nos desenhou para sermos.

Sabe qual o maior problema da nossa geração? É que as pessoas buscam apenas a felicidade, ou seja, colocam a felicidade na frente. E quem busca felicidade nunca encontra. Por quê? Porque a felicidade vem depois do propósito. Quando focamos as nossas vidas no propósito e o alcançamos, encontramos a felicidade.

Você já viu uma pessoa vazia sendo feliz? Uma pessoa pode ter tudo, mas será infeliz, se tiver colocado a felicidade como seu fim. A felicidade não é o fim da existência humana, mas o meio dela. O fim da existência humana é cumprir o seu propósito.

Um homem feliz é aquele que tem uma missão de vida!

Deus nos criou com um propósito, com uma missão, e é essa missão que deve ser o foco da nossa vida. Jesus fala: “Todas as demais coisas vos serão acrescentadas! Buscai, pois, em primeiro lugar, o reino e a sua justiça, e todas as coisas vos serão acrescentadas” (Mateus 6:33)

Jesus disse que devemos descobrir o propósito para o qual nascemos que não devemos ser um “radical livre” na existência humana, não sermos pessoas soltas, que não encontram um propósito de vida e ficam circulando de um lado para outro, resultando em vidas amarguradas. O maior problema dessas pessoas é a ausência do propósito de Deus em suas vidas. Elas fazem parte de um grande quebra-cabeça e estão fora do seu lugar de origem. A nossa igreja ajuda a colocar essas pessoas perdidas dentro do propósito de Deus, para o qual elas foram criadas.

Um homem feliz é aquele que acorda com um propósito, com uma missão, sabendo para qual nasceu. Para uma pessoa assim não existe “trabalho”, mas realização. Por isso, quem vê seu trabalho dessa maneira, não tem stress, mas sim uma terapia.

Sucesso é cumprir seu propósito. Propósito é ter domínio, Deus nos fez para dominar. É lógico que, para dominar, precisamos, em primeiro lugar, dominarmos nós mesmos. Dominar a raiva, depressão, sexo ilícito e todas as coisas que querem nos dominar. Deus nos criou para dominarmos interiormente e exteriormente. Mas, hoje, vemos homens serem dominados pelas drogas e pelo álcool. O ser, que foi criado para dominar, passa a ser controlado pelos impulsos interiores e pelas coisas exteriores.

Séculos atrás, dominar representava subjugar pessoas pela força, pelo totalitarismo, pelo exército. Hoje, o domínio chama-se liderança, o homem que domina é aquele que lidera, mas lidera pela inteligência e sabedoria, encontrando repostas onde os outros não encontram. O que é um líder? É aquele que encontrou respostas em questões onde os outros têm perguntas.
Nós não vivemos sem liderança. Por isso, precisamos compreender que devemos ser líderes em nosso local de trabalho, em nosso lar, nas escolas, nas associações de classes trabalhistas. Nascemos para liderar!

Deputado bispo Rodovalho

Brasília, 30/10/09

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *